top of page

ARTESP autuou 6,2 mil veículos do transporte coletivo em 2022

As infrações são diversas e ocorreram, principalmente, no transporte intermunicipal


Em 2022, a Agência de Transporte de São Paulo (ARTESP) autuou cerca de 6,2 mil veículos em fiscalizações do transporte coletivo intermunicipal. Entre ônibus, micro-ônibus e vans, os veículos foram notificados tanto pelas condições dos veículos, como pela qualidade das viagens oferecidas aos passageiros ao longo do ano.


As ações resultaram em 812 notificações, 307 retenções de veículos e 1.120 remoções ao pátio. Entre as irregularidades encontradas, muitos veículos foram autuados por realizarem suspensão de linha sem autorização da ARTESP; operar linha com menos horários que os previstos; falta ou defeito em equipamento obrigatório; atraso na realização de viagem por conta da transportadora; transporte de passageiros sem autorização; empresa cadastrada para o serviço de fretamento realizando venda individual de passagens, entre outros.


“O serviço de transporte coletivo intermunicipal cumpre papel fundamental para a mobilidade das pessoas. Por isso, nosso trabalho é prezar e garantir a segurança, o conforto e o bem-estar dos passageiros. Durante o ano passado, as fiscalizações foram rigorosas e as penalidades às empresas que descumprem as normas foram aplicadas, além de coibir o transporte irregular e clandestino”, afirma Luis Carlos Moraes Caetano, diretor de Procedimentos e Logística da ARTESP.


Fonte: Frota & CIA

1 visualização0 comentário
bottom of page