top of page

Campanha de vacinação contra influenza começa na próxima segunda (4)

ETAPA INICIAL ATENDERÁ IDOSOS E PROFISSIONAIS DE SAÚDE EM TODAS AS SALAS DE VACINAÇÃO


A 24ª Campanha Nacional de Vacinação Contra a Influenza tem início agendado para 4 de abril. A primeira etapa segue até 2 de maio e atenderá idosos de 60 anos ou mais e trabalhadores da saúde. O dia D de mobilização nacional ocorre no último sábado deste de abril, dia 30. A imunização visa minimizar as complicações de correntes das infecções causadas pelo vírus Influenza, principalmente no inverno, quando as pessoas estão mais propícias a algum tipo de infecção respiratório-viral.


De acordo com a coordenadora do Programa Municipal de Imunização, Claubia Oliveira, o público estimado total que deverá comparecer às salas de imunização é de 228.800 pessoas. O objetivo é vacinar, pelo menos, 90% de cada um dos grupos prioritários para vacinação contra influenza.


A partir de 3 de maio, até 3 de junho, a imunização será aberta, também, para os demais grupos prioritários: crianças de 6 meses a menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias); gestantes, puérperas, comorbidades, professores, profissionais de forças armadas, forças de segurança e salvamento, doenças crônicas e deficiência permanente, caminhoneiros, população indígena, população privada de liberdade, trabalhadores portuários e do transporte coletivo rodoviário.


Locais de vacinação

Em Uberlândia, a vacinação ocorrerá em todas as salas de vacinação do município: de 8h às 18h nas UBSs, de 7h30 às 16h30 nas UBSFs, e de 8h às 20h nas UAIs. Para atender melhor os trabalhadores, haverá horário estendido das 8h às 20h também nas UBSs Brasil e Tocantins.


As vacinas Covid-19 poderão ser administradas de maneira simultânea ou com qualquer intervalo com as demais vacinas do Calendário Nacional de Vacinação, na população a partir de 12 anos de idade. No entanto, é importante que seja priorizada a administração da vacina Covid-19, para as crianças de cinco a 11 anos de idade contempladas nos grupos prioritários para a influenza. Nestas situações, deve-se agendar a vacina influenza, respeitando o intervalo mínimo de 15 dias entre as vacinas.


Importância da vacinação

A vacinação que imuniza a população na rede pública é trivalente, ou seja, protege contra três tipos de Influenza: A (H1N1), A (H3N2) – que contempla a variante Delta, registrada no início do ano – e Influenza B. A vacina é segura e reduz as complicações que podem levar aos casos graves da doença, internações ou, até mesmo, óbitos. Por isso, é preciso que o público-alvo compareça aos postos para receber as doses.


A Influenza

Também conhecida como gripe, a Influenza é uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório. Se não for tratada a tempo, pode causar complicações graves e levar à morte, principalmente nos grupos de alto risco.


Assim como no caso da Covid-19, a transmissão ocorre por meio de secreções das vias respiratórias da pessoa contaminada ao falar, tossir e espirrar. Também se dá pelas mãos, que, após contato com superfícies recém-contaminadas por secreções respiratórias, podem levar o agente infeccioso direto à boca, aos olhos e ao nariz. Os sinais e sintomas da doença são muito variáveis, podendo ocorrer desde a infecção assintomática, até formas graves.


1 visualização0 comentário

Комментарии


bottom of page