top of page

Empresa de logística alerta para aumento de custos devido ao lockdown em Xangai

Maersk informou que serviço de transporte rodoviário de entrada e saída da cidade deve ser impactado em 30%


A Maersk informou que as restrições contra a Covid-19 em Xangai devem prejudicar gravemente os serviços de transporte rodoviário e aumentar os custos.


A cidade costeira chinesa, que abriga alguns dos portos e aeroportos mais movimentados do mundo, iniciou um lockdown em metade do território nesta segunda-feira (28) e pretende fazer o mesmo com a outra metade por quatro dias a partir desta sexta-feira (1).


“O serviço de transporte rodoviário de entrada e saída de Xangai será severamente impactado em 30% devido a um bloqueio total nas áreas de Pudong e Puxi, em Xangai, até 5 de abril”, disse a Maersk, a segunda maior empresa de transporte de contêineres do mundo, em um comunicado aos clientes na segunda-feira.


A empresa acrescentou que os armazéns em Xangai estariam fechados até sexta-feira.


“Consequentemente, haverá um tempo de entrega maior e um possível aumento nos custos de transporte, como taxa em caso de rotas alternativas e frete rodoviário”.


Fonte: CNN

2 visualizações0 comentário
bottom of page