top of page

Fretebras investe R$ 48 milhões no Frete Seguro

O programa é um reforço de combate a fraudes que fortalece a segurança da plataforma na contratação de fretes


A Fretebras anuncia um investimento de R$ 48 milhões em seu programa Frete Seguro, durante todo o ano de 2022. O valor é 60% maior do que o despendido em 2021, quando a empresa destinou R$ 30 milhões, conseguindo reduzir em 67% as fraudes sofridas pelos caminhoneiros. O objetivo do programa Frete Seguro é fortalecer as medidas de segurança na plataforma, contribuindo com a redução das fraudes para todo o setor de Transporte Rodoviário de Cargas.


Dentre as iniciativas do novo investimento, estão: a identificação, em tempo real, de comportamentos de risco de empresas que publicam fretes na plataforma; a revisão das regras do robô que checa e bloqueia fretes falsos; e as melhorias feitas na conta digital Fretebras, que garante o recebimento do frete ao caminhoneiro e zera o calote que os motoristas sofrem.


Para suportar o desenvolvimento de toda a tecnologia antifraude, a empresa uniu vários times internos, incluindo Experiência do Cliente, Prevenção à Fraude, Cibersegurança, Produtos e Tecnologia, que agora estão todos empenhados no programa Frete Seguro.


“A tecnologia é parte central do investimento da Fretebras no programa Frete Seguro para reduzirmos as fraudes do setor. Graças às nossas iniciativas em segurança e ao uso da tecnologia, mesmo com um aumento do volume de fretes na nossa plataforma, conseguimos manter uma taxa de segurança de 99,99%, o que significa que registramos, no primeiro semestre de 2022, apenas 59 fraudes efetivas contra caminhoneiros, de um total de 4,6 milhões de fretes. A nossa meta é que esse número seja zero”, destaca o Head de Risco e Prevenção à Fraude da Fretebras, Michael Bogajo.


Fonte: Frota & CIA

1 visualização0 comentário

Kommentare


bottom of page