top of page

Gasolina recua 0,13% nos postos após redução nas refinarias

De acordo com a Ticket Log, no fechamento da primeira quinzena do mês o combustível custou em média R$ 5,32


De acordo com o último levantamento do Índice de Preços Ticket Log (IPTL), após redução de 6,10% no valor da gasolina no repasse às refinarias, válida desde o dia 7 de dezembro, o preço do litro do combustível apresentou um recuo médio de 0,13% nas bombas de abastecimento do País. “Já quando analisamos o fechamento da primeira quinzena de dezembro do IPTL, em que o combustível fechou a R$ 5,32, percebemos que, no consolidado do período, a redução foi ainda menor, de 0,09%, se comparado com novembro”, destaca Douglas Pina, Diretor-Geral de Mobilidade da Edenred Brasil.


No recorte por região, apenas o Nordeste e o Centro-Oeste registraram recuo para a gasolina, de 0,65% e 0,64%, que fecharam a R$ 5,33 e R$ 5,28, respectivamente. Porém, a gasolina com a média mais baixa foi comercializada no Sudeste, a R$ 5,14, mesmo com aumento de 0,21%. Já o litro mais caro foi encontrado no Norte, a R$ 5,52 e com o aumento mais expressivo entre as regiões, de 0,73%.


O IPTL também apurou que o etanol continua em alta na primeira quinzena de dezembro, com o preço médio do litro a R$ 4,33, valor 0,81% mais caro, quando comparado a novembro. No recorte por região, todas registraram aumento no preço, com destaque para o Centro-Oeste, onde, apesar de apresentar a média mais baixa, o combustível ficou 1,29% mais caro e fechou o período a R$ 3,99.


O IPTL é um índice de preços de combustíveis levantado com base nos abastecimentos realizados nos 21 mil postos credenciados da Ticket Log e 1 milhão de veículos administrados pela marca, com uma média de oito transações por segundo.


Fonte: Frota & CIA

1 visualização0 comentário
bottom of page