top of page

Mais de 40 gestores de RH do setor de transporte são capacitados pelo ITL em Minas Gerais

Quarta turma da Especialização em Gestão de Recursos Humanos teve início nesta semana


Na última segunda-feira (23), o ITL (Instituto de Transporte e Logística) iniciou, em Belo Horizonte (MG), a quarta turma da Especialização em Gestão de Recursos Humanos, realizada em parceria com a Fundação Dom Cabral.

A abertura da turma foi conduzida pela diretora adjunta do ITL, Eliana Costa, que apresentou aos alunos a composição e a atuação do Sistema Transporte. A diretora destacou o portfólio de cursos ofertados pelo instituto e falou sobre a importância de os empresários e executivos das empresas de transporte se aperfeiçoarem. “O grande objetivo desse programa é possibilitar que o transporte brasileiro se capacite ainda mais”, destacou a diretora.

A aula inaugural também contou com a presença do presidente do Conselho Regional do SEST SENAT de Minas Gerais e presidente da Federação das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado de Minas Gerais (Fetram), Rubens Lessa, e do gerente executivo de Desenvolvimento do Transporte na CNT (Confederação Nacional do Transporte), Tiago Veras, que ministrou a palestra magna virtualmente.

Na oportunidade, o gerente executivo abordou o papel da CNT na representação institucional do setor e na produção de conhecimento. Foram apresentadas as publicações técnicas elaboradas pela CNT para auxiliar o transportador na tomada de decisões e para subsidiar o poder público na elaboração de políticas e nas decisões de investimento no setor. Além disso, foi apresentado um panorama do setor de transporte no país, com os seus principais entraves e desafios. “O objetivo da CNT é ser uma referência na produção de conhecimento voltado ao setor de transporte”, enfatizou Tiago Veras.

Sobre a especialização

A Especialização em Gestão de Recursos Humanos já teve 162 alunos matriculados e 104 empresas beneficiadas.

O curso é estruturado em oito módulos presenciais, que totalizam 370 horas. Os alunos conhecerão como a postura contemporânea na área de Recursos Humanos pode ser articuladora de mudanças nas organizações, gerando resultados por meio de pessoas.

Fonte: CNT

4 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page