top of page

NTC&Logística alerta para repasse dos valores do diesel e do dissídio

A entidade orienta transportadores e embarcadores a incluírem os reajustes para que se mantenha um equilíbrio no setor


A Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística (NTC&Logística) alerta aos transportadores e embarcadores o repasse imediato dos valores do diesel e do dissídio salarial. Segundo a entidade, a necessidade vem para que o equilíbrio do mercado de transporte rodoviário de carga seja mantido.


Após o anúncio da Petrobras com o quarto reajuste no preço do diesel somente neste ano, a NTC&Logística verifica que o acumulado dos últimos dois aumentos atinge em 24,4% (14,26% sobre 8,87%) os transportadores rodoviários de carga e os impacta em 8,5% (35% em média sobre% 24,4%).


Além dos aumentos do diesel que o setor enfrenta, no mês de junho, o segundo maior custo do TRC também aumentou após o dissídio da categoria. O reajuste salarial médio ficou em 12,0% e como este custo representa em média 20% o seu impacto no setor ficou em torno dos 2,4% (20% sobre 12,0%).


Assim, considerando a subida dos demais de custos, como o dos veículos, pneus, manutenção etc., somente estes dois representam para o TRC um crescimento de 10,9%.


“Para um setor onde, em condições normais de mercado, o lucro gira na casa de 5,0%, mais não há possibilidade do setor absorver este impacto sem repassá-los.”, afirma em nota.


Fonte: Frota & CIA

1 visualização0 comentário
bottom of page