top of page

Projeto de adequação da BR-262/ES é autorizado pelo Ministério dos Transportes

Propostas abrangem duplicação e restauração de mais de 180 quilômetros da rodovia federal. Ordem de serviço foi assinada nesta terça-feira (13), pelo ministro Renan Filho


Atendendo à uma demanda histórica da população capixaba, o Governo Federal, por meio do Ministério dos Transportes, autorizou nesta terça-feira (13) a elaboração dos projetos de adequação da BR-262/ES. Com investimento de R$ 22,2 milhões, a iniciativa engloba propostas para duplicação e restauração do trecho de 180,6 quilômetros de pistas simples, entre o município de Viana, no Espírito Santo (km 15,9), e a divisa com Minas Gerais (km 196,5).


Também faz parte do projeto a elaboração do estudo de impacto ambiental/relatório de impacto ambiental (EIA/RIMA) referente à rodovia. A duplicação da rodovia trará benefícios na redução dos custos operacionais e ambientais do transporte rodoviário, diminuirá os riscos de acidentes, facilitará a mobilidade urbana e rural e contribuirá com a geração de empregos diretos e indiretos, impulsionando a economia do Espírito Santo.


Entre as soluções propostas na contratação para elaboração do projeto básico de engenharia, destacam-se a implantação de interseções em dois níveis, vias elevadas, passarelas para travessia de pedestres, túnel rodoviário para transposição de segmento de relevo extremamente acidentado e a duplicação das 17 pontes ao longo do trecho. A elaboração dos projetos ficará a cargo do Consórcio Pedra Azul, constituído por quatro empresas de engenharia.


A medida será possível com a assinatura da ordem de serviço pelo ministro dos Transportes, Renan Filho, durante evento em Brasília. Participaram da solenidade o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande; o diretor-geral do Departamento Nacional de Transportes, Fabrício Galvão; e parlamentares da bancada federal do estado no Congresso Nacional.


“A BR-262 é uma rodovia fundamental para o desenvolvimento do estado e para a segurança das pessoas, por esse motivo, essa obra será inserida nas prioridades do novo plano de investimento do país”, afirmou Renan Filho, que ressaltou, ainda, que o governo terminará neste ano outras obras importantes para o Espírito Santo, como o Contorno do Mestre Álvaro, na BR-101, e a BR-447/ES.


Relevância

Importante para a integração nacional, a BR-262 é uma rodovia transversal que liga Espírito Santo, Minas Gerais, São Paulo e Mato Grosso do Sul. Tem papel fundamental na logística capixaba, pois conecta áreas destinadas à pecuária, à agricultura e à mineração, além de polos industriais e comerciais aos portos capixabas.


Pela via, é transportada rumo aos portos capixabas boa parte do café exportado pelo Espírito Santo e pela região de Manhuaçu, em Minas Gerais. O mesmo acontece com hortifrutigranjeiros que suprem os mercados da Grande Vitória.


Outros investimentos

O Governo Federal, por meio do Ministério dos Transportes, atua na manutenção, operação e conservação rotineira de toda malha rodoviária federal das BR-262/ES, BR-259/ES, BR-482/ES, BR-393/ES, BR-342/ES, BR-447/ES e BR-484/ES, totalizando aproximadamente 600 quilômetros com 100% de cobertura contratual. Em 2023, o investimento previsto para o estado é de aproximadamente R$ 416,7 milhões. Com este valor, serão criados 2,9 mil empregos diretos e indiretos, possibilitando a geração de renda para mais de três mil pessoas.


Fonte: Frota & CIA

0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page